PDV: o que são os pontos extras?

Share on facebook
Share on linkedin
Share on pinterest

Não é novidade que os pontos de venda (PDV) são muito concorridos. Dentro de supermercados, farmácias e outros estabelecimentos de diversos segmentos de produtos. Pensando nisso, podemos entender que os pontos extras dentro do PDV é um dos mecanismos mais importantes.

O que é PDV?

PDV é o apelido de ponto de venda. O local que buscamos quando estamos em uma missão de compra. As lojas que visitamos, tanto on, quanto off-line, que podem ser dos mais variados segmentos. Para você, se trabalha o trade marketing dentro do seu ponto de venda, são os locais onde a mágica acontece. A teoria se transforma em prática, onde todo o planejamento se materializa.

É interessante é que os PDVs oferecem diversas possibilidades para os times de estratégia e execução. Os pontos extras, por exemplo, podem ser um diferencial incrível quando são trabalhados com estratégia e inteligência.

Afinal, o que é um ponto extra no PDV?

Primeiro, vamos falar sobre os pontos naturais, os lugares nos quais os produtos geralmente estão. É a prateleira “de praxe”, onde você sabe que vai encontrar o que deseja. Em um exemplo bem simples de entender: é o local onde os produtos já estão segmentados nas gôndolas.

Já, o ponto extra é um local de destaque dentro do ponto de venda, porém em posições diferentes de onde os produtos são tradicionalmente expostos, ou seja, fora da gôndola.

Normalmente, o ponto extra fica em uma área nobre do PDV, em “ilhas” nos corredores centrais ou até mesmo nas pontas de gôndola. O objetivo é atrair mais consumidores por meio de ambientação e exposições diferenciadas.

Por que os pontos extras são importantes?

Muito utilizada dentro dos supermercados, farmácias, lojas de conveniência e outras, garantem uma série de vantagens aos empreendedores. Primeiramente, os pontos extras chamam atenção dos consumidores que circulam na loja, fazendo com que os produtos tenham muito mais destaque do que os demais. Os produtos expostos fora de suas sessões ajudam o cliente a lembrar da sua marca ou de outros tipos de mercadorias que ele precisa levar para casa.

O ponto extra dentro dos supermercados gera compras por impulso, levando ao consumidor leve mais itens além do que ele já colocou no carrinho. Isso pode gerar mais renda e aumentar a lucratividade do negócio, os pontos extras ajudam a organizar melhor os produtos dentro de um estabelecimento, passando uma imagem melhor aos clientes.

pontos extras o que é

Como estar em um ponto extra?

Se sua marca quer estar em um ponto extra do PDV, existem dois caminhos: pagando por ele ou conquistando por meio de um relacionamento com o varejista. Geralmente, a indústria negocia o espaço dentro de um estabelecimento e ali permanece em um tempo pré-determinado.

Pagar pelo espaço não basta, certo? É preciso zelar por ele. É importante que os promotores devem ter um “capricho” a mais na exposição do ponto extra, para chamar ainda mais a atenção do shopper. Sem falar na atenção ao reabastecimento e no estoque, para que não falte mercadoria.

Por isso, é importante também utilizar materiais de merchandising, como: cartazes, banners, folhetos e auxiliam muito uma campanha coerente. Em algumas ocasiões, é aconselhável ter um demonstrador, para reforçar explicações de campanha ou oferecer degustação do produto.

Quais são os pontos extras do PDV?

Ponta de gôndola: assim como o nome sugere, é a ponta de uma gôndola de determinado setor, que servem para impactar o shopper com uma oferta de determinado produto em grande quantidade.

Orelha: é o ponto extra que acompanha a ponta de gôndola, muitas vezes sincronizando produtos. Exemplo: uma ponta de gôndola de café e do lado direito dela, um rack (display) de leite UHT em pó.

Ilha promocional: a ilha de produtos se localiza entre os corredores e pontos de maior fluxo de clientes. As ilhas promocionais são espaços muito concorridos nos supermercados, já que são nelas onde a maior parte das exposições diferenciadas acontecem.

Check Stand: conhecido também frente de caixa, como é conhecido. O check stand influencia na venda por impulso de última hora, tornando assim, o espaço disputado. Um check stand, atualmente, é composto por três módulos, sendo eles: um pequeno display, que fica sob a esteira do check out, display que delimita as frentes de caixa e uma ponta de gôndola.

Clip Strip: esse ponto extra tem como objetivo lembrar o shopper sobre a compra de um produto em seu ponto natural e fazer cross merchandising, o cruzamento de produtos entre si. Exemplo: setor de macarrões com um clip strip de molho de tomate. Além disso, ele é um material muito importante na hora da decoração do PDV.

pontos extras no pdv materiais visual merchandising

Quais as formas de explorar os pontos extras?

Grande parte das decisões que tomamos na hora de comprar algo é baseado no que vemos, por isso é fundamental trabalhar o visual merchandising de maneira eficiente, sobretudo nos pontos de venda. Por isso, separamos algumas dicas para você trabalhar nos pontos extras:

1 – Invista nas ilhas promocionais

Geralmente, as ilhas promocionais expõem um determinado produto, ou enfeitam um ponto de venda. Principalmente, nas datas especiais como o Natal e a Páscoa, elas ajudam a gerar curiosidade e chamar a atenção dos clientes, incentivando-os realizarem a compra.

Utilize esse espaço para utilizar esse espaço para expor aqueles produtos de maior demanda, faça um bom planejamento e use boas estratégias de marketing para organizar itens. Aproveite e decore com cartazes, adesivos e até mesmo clip strips.

2 – Organize pontas de gôndola criativas

Um dos melhores pontos para anunciar produtos são as pontas de gôndolas, já que os consumidores tendem a notar mais aqueles produtos que se encontram nesse espaço. Faça uso desse ponto extra de maneira criativa, despertar a curiosidade e desejo no consumidor, melhorando, assim, a experiência de compra do cliente.

O cartaz promocional, aqui, é uma grande sacada. Ele é responsável por grande parte das compras por impulso realizadas dentro de um supermercado. Por isso, não deixe de utilizar esse recurso a fim de atrair a atenção do cliente para os pontos extras e seja bastante criativo.

3 – Ofereça degustação de produtos

Despertar o interesse dos consumidores por meio dos sentidos é uma estratégia extremamente eficiente. Nesse caso, utilize as ferramentas a seu favor e ofereça a oportunidade de os consumidores conhecerem melhor sua marca.

A degustação dos produtos causa a sensação imediata de prazer. O gosto dos produtos pode aumentar as compras por impulso de determinado item. Por isso, oferecer essa possibilidade aos consumidores é uma forma de estimular a compra.

4 – Destaque às novidades

A maioria dos clientes se sente atraído por novidades no supermercado, sejam elas de alguma marca, sejam de produtos diferentes. Nesse sentido, para atrair um número bom de consumidores, além de oferecer um bom atendimento, os varejistas devem investir em mercadorias inovadoras.

Portanto, fique por dentro das novidades e das preferências do consumidor. Sempre que possível, utilize essas tendências a favor da exposição.

5 – Mantenha os pontos organizados

Isso não é uma coisa nova para quem trabalha com planejamento do ponto de venda, mas é importante destaca-la sempre que possível. Afinal, muitos consumidores se sentem estimulados a comprar devido à organização dos pontos extras.

Quando os produtos não estão bem arrumados, isso pode manchar a reputação do supermercado. Material bagunçado, rasgado ou com alguma falha passa uma imagem negativa aos clientes. Em contrapartida, uma boa organização valoriza o produto e a marca, influenciando diretamente a decisão de compra.

Agora que você já sabe sobre como trabalhar com os pontos extras dentro dos PDVs, vem falar com a Quatrocor e peça os melhores materiais para decorar sua loja!

Gráficas